20 anos do Penta: onde estão os jogadores que conquistaram a Copa do Mundo?

PUBLICIDADE

Nesta quinta-feira, 30, completa 20 anos que o Brasil levantava seu quinto título mundial da Copa do Mundo e muitos jogadores já penduraram as chuteiras após conquista emblemática de uma seleção que não era favorita naquela edição.

Apesar de serem campeões mundiais, nem todos os ex-jogadores continuaram suas carreiras no mundo esportivo; veja como eles estão hoje.

Goleiros do Penta

Marcos

Ídolo do Palmeiras, Marcos encerrou sua carreira em 2012 com uma despedida emocionante no Pacaembu. Hoje, ele é empresário e sócio em uma empresa que fabrica cervejas artesanais. Nas redes sociais ele costuma viralizar em derrotas e triunfos do Palmeiras.

Dida

O segundo goleiro do Penta, trabalha no Milan como preparador dos arqueiros do clube italiano onde fez história durante os anos 2000. Dida era muito conhecido pela sua frieza dentro de campo.

Rogério Ceni

Mito no São Paulo, Ceni decidiu seguir sua carreira no mundo da bola e se tornou treinador. Atualmente no São Paulo, teve passagens pelo Flamengo e Cruzeiro, além de elevar o nível do Fortaleza.

Zagueiros do penta

Lúcio

Zagueiro foi o último da “Família Scolari” a se aposentar, em 2020 quando ainda atuava pelo Ituano. Lúcio costuma participar de jogos comemorativos ou participar de matérias especiais na televisão.

Roque Júnior

Personagem marcante no penta, Roque Júnior segue no meio esportivo sendo agora consultor de mercado do futebol. Ele também atuou como auxiliar técnico.

Anderson Polga

Titular em duas das sete partidas, Polga não atua mais com futebol. Ele se aposentou em 2012 com a camisa do Corithians, e atualmente trabalha em uma empresa de engenharia, no Rio Grande do Sul.

Edmílson

Impossível falar em Copa do Mundo e não lembrar da cena em que Edmílson não consegue tirar a camisa da seleção. O zagueiro era o terceiro na posição na disputa pelo título. Atualmente ele preside o SKA Brasil, clube de São Paulo.

Volância

Vampeta

Vampeta esteve presente em apenas um dos setes jogos, mas ficou extremamente marcado durante a comemoração do título em solo brasileiro, quando deu diversas cambalhotas no Planalto. Atualmente, ele é comentarista e já participou de alguns programas da Band.

Kléberson

Volante sem dúvidas foi o nome mais surpreendente da Copa do Mundo, jogador quase não atuou na primeira fase, mas recebeu oportunidades de Felipão e ganhou a posição dali em diante. Atualmente ele é assistente-técnico no Philadelphia Union, dos Estados Unidos.

Gilberto Silva

A lenda estava presente em todos os jogos da Copa do Mundo, ele se aposentou em 2013 com a camisa do Atlético-MG e agora é empresário de jogadores de futebol.

Meio-campistas do penta

Kaká

“O Kaká vai entrar?” O caçulinha da Copa do Mundo construiu uma grande carreira após a competição, além de ser o último brasileiro a conquistar uma bola de ouro. Recentemente ele terminou seu curso para ser treinador.

Rivaldo

De longe um dos nomes mais fortes que foram vistos durante a Copa do Mundo e, por muitos, considerado o melhor jogador da competição. Rivaldo se aposentou em 2015 e participa de jogos do time oficial do Barcelona de aposentados.

Ricardinho

Meia foi convocado após Emerson se lesionar e ser cortado da lista de Felipão. Ele encerrou sua carreira no Bahia e atualmente é comentarista de futebol.

Junhinho Paulista

Atual coordenador da CBF, Juninho era um dos homens de confiança de Felipão no início da trajetória, mas foi para o banco nos últimos jogos.

Denílson

Conhecido pelo lance no jogo entre Brasil e Turquia, em que quatro turcos foram atrás dele para roubar a bola. Atualmente, ele é comentarista no Jogo Aberto, da TV Bandeirantes.

Laterais

Roberto Carlos

Titular absoluto em toda a campanha para a conquista do penta. Roberto Carlos tomou conta da lateral-esquerda da seleção canarinha por muito tempo. Atualmente ele participa de jogos amistosos.

Cafu

Capitão do Penta, Cafu deixou os gramados em 2008 após participar de três finais de Copa do Mundo. Ele é embaixador da edição do Catar.

Belletti

Reserva de Cafu, Belletti não atuou por muitos minutos na Copa do Mundo. Lateral pendurou as chuteiras em 2010, com a camisa do Fluminense, e atualmente é embaixador da Fifa.

Júnior

Reserva em boa parte da trajetória rumo ao penta, Júnior foi campeão em diversos clubes por onde passou. Ele se aposentou em 2010, pelo Goiás e atualmente é dono de restaurante, além de participar de eventos oficiais de atletas aposentados.

Ataque do pentacampeonato

Edílson

“O capetinha” teve quatro chances na Copa do Mundo e deixou o mundo da bola em 2010. Ele foi comentarista na Band e atua em jogos especiais do time master do Corinthians.

Ronaldo

Autor dos dois gols que deram o título ao Brasil diante da Alemanha, Ronaldo Fenômeno é o atual dono do Cruzeiro e do Real Valladolid, da Espanha. Em 2011, ele jogou no Corinthians e se aposentou no Timão.

Ronaldinho

“O Bruxo” foi um jogador de luxo para Felipão mesmo não entrando em todos os jogos. Ele jogou pelo Flamengo, Fluminense e Atlético-MG, onde conquistou a Libertadores. Ronaldinho anunciou que aposentou as chuteiras em 2018.

Luizão

Se Denílson ficou marcado pelo lance com os quatro turcos, Luizão era o jogador que estava livre na área e podia ter marcado o gol. Atualmente ele atua como empresário no meio do futebol.

O treinador

Felipe Scolari – Felipão

Felipão é o único que ainda continua atuando em sua função desde a Copa do Mundo. Atualmente, ele treina o Athletico-PR na busca pela sua primeira Libertadores.

Da Band

PUBLICIDADE