Lisca explica identificação com a torcida do Sport e celebra acerto: ‘Vontade era muito grande’. Técnico desembarcou no Recife e deu primeiras palavras

PUBLICIDADE

Lisca chegou. No fim da tarde desta quarta-feira, o novo treinador do Sport desembarcou no Recife e já deu as primeiras palavras pelo clube em rápida conversa com a imprensa no aeroporto. De cara, ele explicou a identificação com a torcida e não escondeu a satisfação de ter acertado com o Rubro-negro.

“Primeiro de tudo mandar um abraço para todos os recifenses, especial à torcida do Sport. A vontade era muito grande dos dois lados já faz um bom tempo, todo mundo sabe, nunca escondi. A torcida do Sport sempre demonstrou respeito, admiração, pela minha luta, entrega, dedicação, paixão. E acho que nos identificamos por isso”, iniciou.

“A torcida é muito apaixonada e estou muito feliz de fato por fazer parte do Sport, que dispensa apresentação. É um gigante do futebol brasileiro, internacional, história maravilhosa. Quantas histórias não tem na Ilha do Retiro e eu vim para desfrutar isso o máximo que puder. Espero ficar aqui um bom tempo”, acrescentou.

O treinador chega no momento mais difícil do Sport na Série B: há cinco jogos sem vencer e com apenas uma vitória nas últimas oito partidas. Em quinto lugar, a distância para o G4 é de quatro pontos. Lisca já projetou contas em busca do acesso.

“Expectativa por um trabalho árduo, duro, difícil. Desgarramos um pouco do grupo de cima, ainda temos 23 rodadas, bastante pontos, mas precisamos fazer mais de 60% de aproveitamento. Estou motivado, vim por isso, porque acredito demais”, afirmou.

Lisca também fez uma retrospectiva da carreira, que começou nos anos 90 à frente das escolinhas do Internacional. E voltou a demonstrar orgulho por trabalhar no Sport.

“Fico muito feliz, não foi fácil chegar aqui. Imagine o orgulho de hoje ser treinador do Sport, com essa aceitação da torcida. Espero dar os resultados. Posso prometer muito trabalho, dedicação. Quero aproveitar”, concluiu. Do NE45

PUBLICIDADE