Alberto Valentim ganha força para comandar o Náutico

PUBLICIDADE

Apesar de a diretoria do Náutico pregar cautela e paciência na escolha do substituto de Felipe Conceição, um nome ganhou força nesta quarta-feira: Alberto Valentim. O técnico está sem clube desde o último domingo quando foi demitido do Athletico.

Alberto Valentim encaixa no perfil que a diretoria quer de características ofensivas. O clube alvirrubro acredita que é preciso manter esta filosofia de acordo com o elenco montado.

As conversas estão avançando e Valentim é hoje o nome mais cotado. O clube tentou também Marquinhos Santos, mas a negociação é considerada difícil. Já outros treinadores receberam apenas sondagens.

Com 47 anos, Alberto Valentim foi jogador até 2009, quando estava no Athletico. No próprio Furacão, começou como auxiliar técnico até se transferir para o Palmeiras.

Como treinador, além do Alviverde, Valentim trabalhou no Red Bull Brasil, Botafogo, Pyramids, Vasco, Avaí e Cuiabá. De volta ao Athletico na última temporada, ele pegou o time já classificado para a final da Sul-Americana e conquistou o título sobre o Bragantino. No total, foram 28 jogos pelo Rubro-negro paranaense com oito vitórias, oito empates e 12 derrotas. Um aproveitamento de 38%.

Do NE45. Foto: divulgação

PUBLICIDADE