Série B: Náutico recebe Botafogo nos Aflitos

PUBLICIDADE

Agarrando-se à chance de dar sequência a uma marca de invencibilidade de 22 partidas caso não seja derrotado pelo Botafogo neste fim de semana, o Náutico contará com o “fator casa” no confronto que se inicia às 16h do domingo, e também tentará colocar em prática o plano de “respeitar jogando” o adversário a fim de conquistar uma vitória, ou até um empate. Foi o que explicou o lateral Bryan, cotado para entrar como titular na partida.


“Todo jogo é difícil, não é porque é o Botafogo. É claro que nós temos que respeitar, mas respeitar jogando. Se for por tradição, o nosso clube também tem tradição. Quando a bola rola, a gente dá o nosso melhor para continuarmos com intensidade, foco e determinação, porque isso faz diferença nos 90 minutos”, salientou.

O resultado esperado pelos alvirrubros, inclusive, começa a ser traçado em casa, onde esperam poder apresentar a imposição necessária para afastar um resultado negativo.

“A gente sabe da força de todas as equipes da Série B, não é à toa que é uma das competições mais difíceis por causa da competitividade. Temos que mostrar o nosso futebol, jogar da forma que a gente joga, independente do adversário. É um jogo em casa e temos que nos impor. É continuar fazendo o que temos feito que nós vamos colher bons resultados”, projetou Bryan.

Em campo, o treinador Hélio dos Anjos pode contar com um possível estreante no domingo, já que o lateral-esquerdo Breno Lorran foi regularizado junto ao Boletim Informativo Diário da Confederação Brasileira de Futebol na última sexta-feira, ficando à disposição do técnico pela primeira vez.

Em contraste, a possibilidade do volante Djavan se juntar ao grupo neste fim de semana ainda é incerteza e segue nas mãos do departamento físico, que busca trazer recondicionamento ao atleta, inserido no processo de transição física desde a última quinta-feira.

Como vem o Botafogo?

Desfalcado pelo trio composto por Marcinho, Cesinha e Rickson, o elenco do treinador Marcelo Chamusca chega ao estádio dos Aflitos com a difícil missão de superar o líder da Série B do Campeonato Brasileiro e, enfim, conquistar a sua primeira vitória fora de casa na disputa nacional.

FICHA DO JOGO

Náutico
Alex Alves; Hereda, Wagner, Camutanga e Bryan; Trindade (Djavan), Rhaldney e Jean Carlos; Erick, Vinícius e Kieza | Técnico: Hélio dos Anjos

Botafogo
Navarro; Chay, M. Antônio, Ronald, Pedro Castro, Luís Oyama, Paulo Victor, Gilvan, Kanu, Warley e Douglas Borges | Técnico: Marcelo Chamusca

Local: Estádio dos Aflitos, no Recife
Horário: Domingo, dia 20, às 16h
Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)
Assistentes: Ricardo de Souza (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)

Do Esportes DP

PUBLICIDADE