Sport tem segundo pior início de temporada entre times da Série A

PUBLICIDADE


O início de temporada do Sport abaixo das expectativas já deixou cicatrizes no orçamento e no planejamento leonino para 2021. Além das receitas esperadas que não virão devido às eliminações precoces na Copa do Brasil e na Copa do Nordeste, o Leão ainda perdeu seu treinador e busca um novo comandante para tocar a temporada rubro-negra à frente, visando a conquista do Estadual e a permanência na Série A.


Porém, se comparado com os outros times da Série A, este retrospecto se torna ainda mais preocupante. Se no ano passado, a permanência que parecia improvável foi conquistada com uma rodada de antecedência, o panorama para a largada da elite nacional parece ser tão complicado quanto em 2020, pois entre os 20 times presentes no Brasileirão, o Sport tem o segundo pior aproveitamento, superando apenas o Athletico Paranaense, que fez apenas duas partidas com seu elenco principal.

Em 12 jogos somando as três competições (Copa do Brasil, Estadual e Nordestão), o Sport soma apenas três vitórias (Vera Cruz, Central e Santa Cruz), três empates (Sampaio Corrêa, Santa Cruz e 4 de julho) e seis derrotas (Salgueiro, CRB, Juazeirense, Bahia, Confiança e Ceará). Vale lembrar que nos dois únicos confrontos diretos contra times da elite nacional (Bahia e Ceará), o Sport saiu goleado, sofrendo oito gols nos dois jogos e não marcando nenhum.

O melhor desempenho entre os times da Série A, no momento, é do Atlético Goianiense que, em sete jogos, mantém os 100% de aproveitamento. A segunda colocação fica a cargo do Atlético Mineiro, que em sete partidas possui seis vitórias e um empate, números que lhe dão 85,7% dos pontos conquistados. Quem fecha o pódio é o atual campeão nacional, o Flamengo, com 79,1% de aproveitamento.

Entre os recém-promovidos, Cuiabá e América-MG têm 75% dos pontos conquistados em oito jogos disputados. A Chapecoense aparece logo atrás com uma partida a mais e um aproveitamento de 74%. Quem encerra a fila é o Juventude, que tem pouco mais de 53% em dez confrontos no ano.

Do Esportes DP

PUBLICIDADE