Salgueiro pede desistência das Copas do Brasil e Nordeste

PUBLICIDADE

Fonte: NE45

Uma reviravolta grande nos bastidores do futebol pernambucano. Nesta terça-feira, (2), o Salgueiro protocolou junto à FPF um pedido de desistência da disputa da Copa do Nordeste e do Brasil de 2021 por conta de problemas financeiros. O clube alega não ter recursos para montar um elenco mesmo com as cotas das competições. Desta forma, o Náutico herdaria as vagas nos dois torneios nacionais.

O Salgueiro foi o campeão Pernambucano de 2020 e conquistou a vaga direta para a fase de grupos do Nordestão 2021. Porém, com a desistência do Carcará, o Timbu seria beneficiado por ser o melhor time do Estado no Ranking da CBF depois do Sport, também garantido na competição, e Santa Cruz, que disputou a preliminar da Copa do Nordeste e eliminou o Itabaiana.

Na próxima quinta-feira (4), o sorteio da fase de grupos do Nordestão será realizado. Em 2021, a cota fixa da Copa do Nordeste caiu para R$ 26,1 milhões. Mas, com a classificação, o Náutico garante, em tese, pelo menos R$ 1,465 milhão pela participação na primeira fase. Um incremento importante nos cofres alvirrubros.

PUBLICIDADE