Pela fase classificatória da Copa do Nordeste, Santa Cruz encara o Itabaiana em Sergipe

PUBLICIDADE

Pouco mais de uma semana após o fim amargo da atípica temporada 2020, o Santa Cruz já tem o primeiro compromisso de 2021 – e uma nova decisão pela frente. Diante do Itabaiana-BA, equipe sergipana da Série D do Campeonato Brasileiro, o Tricolor realizará, no Mendonção, em Sergipe, nesta terça-feira, o confronto de ida pela fase classificatória da Copa do Nordeste. Sem contar com a presença do capitão Danny Morais, lesionado, a Cobra Coral terá o retorno de Perí, Elivelton e Augusto Potiguar, após testarem positivo à Covid-19 e cumprirem o protocolo de afastamento da CBF.


Apesar das indefinições contratuais que cercam o time do Arruda, Marcelo Martelotte garante que entrará em campo com a base do time que foi eliminado da Série C na temporada passada. “A ideia é mexer pouco, no sentido de manter o entrosamento que temos e a base da equipe que jogou contra o Brusque e fez um bom jogo. Esperamos ter vantagem com a manutenção. Repetir o nível de atuação é extremamente importante para se ter a noção do momento”, disse o treinador que, na temporada passada, em 18 partidas à beira do gramado pelo Tricolor, venceu nove, empatou cinco e perdeu quatro jogos: aproveitamento de 50% dos pontos disputados.

Assim, para o primeiro confronto da temporada, o treinador coral deverá fazer apenas uma mudança no 11 inicial tricolor. A ausência de Danny Morais será suprida por Célio Santos, que tem contrato até dia 31 deste mês e aguarda definições extracampo para confirmar se fica ou não pelo Arruda. O experiente zagueiro de 33 anos fez 19 partidas em 2020 e substituiu o capitão nos minutos finais da vitória diante do Brusque, há nove dias.

Como chega o Itabaiana?

Embora tenha sido eliminado pelo Floresta-CE na segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, a equipe do município localizado no Agreste sergipano terminou a temporada passada com um saldo positivo: classificou-se à fase eliminatória na vice-liderança do Grupo A4, o mesmo do Central. Desde então, o time sofreu uma reformulação no elenco e 12 atletas foram contratados. A partida diante do Santa é vista pelo Tricolor da Serra como a oportunidade de retornar à principal competição regional após três edições ausente.

FICHA DO JOGO

Santa Cruz
Maycon Cleiton; Toty, William Alves, Célio Santos e Leonan (Peri); Paulinho, Bileu, Didira e Chiquinho; Victor Rangel e Pipico. Técnico: Marcelo Martelotte

Itabaiana
Bruno; Pinheirinho, Hugo, Diego Bispo e Rodrigo Vovô; Jacobina, Batata e Tessio Cajá; Guilherme Nicolas, Pedro Henrique e Thiago Santos. Técnico: Maurílio Silva

Local: Mendonção (SE)
Horário: 21h30
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
Assistentes: Pedro Jorge dos Santos de Araújo e Maria de Fátima Mendonça da Trindade (Ambos de AL)

Texto: Esportes DP

PUBLICIDADE