SÉRIE C: Santa Cruz vence Botafogo-PB e se aproxima de classificação

PUBLICIDADE

O Arruda foi palco de um jogo atípico do Santa Cruz nesta Série C. Com dificuldades na criação, o time dependeu de um pênalti, batido por Didira no primeiro tempo, para selar a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-PB. Com a vitória, o Tricolor chegou aos 27 pontos, valor que praticamente garante a classificação coral antecipada à segunda fase da Série C.

Outro elemento que marcou o jogo foram as três substituições por lesão. No primeiro tempo, o Belo perdeu Higor Leite e Luís Gustavo, enquanto o estreante Luiz Fernando saiu do Santa nos minutos finais. Agora, para reencontrar o bom futebol e ampliar a vantagem de 10 pontos dentro do G4, o Tricolor volta a campo às 17h do sábado, contra o lanterna Imperatriz, no Maranhão.
O JOGO
Em um primeiro tempo marcado por um jogo aberto e disputado, Santa Cruz e Botafogo tiveram boas oportunidades. O time paraibano até conseguiu mais lances de perigo, mas, quando Kellyton atropelou Jáderson na pequena área, ainda aos 15 minutos, o pênalti foi o diferencial para o Tricolor. Didira bateu na esquerda e Felipe caiu no outro lado.

Com a vantagem no placar, o jogo ficou mais muito paralisado, após duas mudanças por lesão no Botafogo. Mas quando o ritmo voltou, o jogo reencontrou a tônica que tinha no início, com equilíbrio e mais perigo por parte dos paraibanos, que quase empataram aos 35, quando Cristian bateu da quina da área para boa defesa do estreante coral Luiz Fernando.
SEGUNDO TEMPO
Foram apenas quatro minutos após o intervalo para que o meia Juninho Silva, ex-Santa, da entrada da área, acertasse um chutaço da intermediária forçando grande defesa de Luiz Fernando. O goleiro coral ainda assistiu a outro ataques do Botafogo, antes do Santa voltar a levar perigo, depois dos 10 minutos, com Perí e, depois, Lourenço. Ainda assim, a saída de jogo Botafogo era mais produtiva, conseguindo criar mais lances ofensivos.

Buscando um jogo mais cadenciado, o Santa Cruz encontrava mais dificuldades para chegar ao ataque. Quando conseguia acelerar suas jogadas, o Tricolor até levava mais perigo, mas o time encontrava mais dificuldades para manter esse bom ritmo. Assim, Luiz Fernando ainda teve mais trabalho até deixar o campo lesionado, aos 41, para a entrada de Jordan. E assim, sem conseguir matar o jogo, o Santa seguiu até o fim da morna etapa final.
FICHA DO JOGO
Santa Cruz 1
Luiz Fernando (Jordan); Toty, Danny Morais, William Alves e Perí (Leonan); Bileu, Paulinho (André) e Didira; Lourenço (Tinga), Jáderson (Kleiton Pego) e Pipico. Técnico: Marcelo Martelotte.

Botafogo-PB 0
Felipe; Kellyton (David Miranda), Luís Gustavo (Donato), Rodrigo e Christianno (Mário); Vitinho, Juninho, Higor Leite (Mineiro) e Rodrigo Andrade; Cristian (Rhuan) e Ramon. Técnico: Rogério Zimmermann.

Local: Estádio do Arruda
Gols: Didira (17’/1º T)
Cartões Amarelos: Kellyton, Felipe, Vitinho (BOT), Lourenço e Luiz Fernando (SAN)
Arbitragem: Leonardo Sígari Zanon (PR)
Assistentes: Luciano Roggenbaum (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)

POR SUPER ESPORTES PE

PUBLICIDADE